Pesquisa
Acesso
Login:
Senha:


Um convite à educação matemática crítica
Autor: Ole Skovsmose
Editora: Papirus Editora
Edição: 01
Área: Educação
Coleção: Perspectivas em educação matemática
Código: 9788530811471
ISBN: 978-85-308-1147-1
Lançamento: 19/04/2021
Ano 1ª Edição: 2014
Acabamento: Colado e costurado
Encadernação: Brochura
Nº Páginas: 144
Orelha: Sim
Público Alvo: Professores e alunos ligados à Educação Matemática
Preço de Capa: R$ 46.50
Peso (Kilos): 0.1750

Sinopse

Nesse livro, Ole Skovsmose aborda uma gama de conceitos cruciais no campo da educação matemática crítica, como foreground dos estudantes, cenários para investigação e matemática em ação.
Destinada a professores, estudantes, e também aos responsáveis pelas políticas públicas, além de todos os interessados em se aprofundar no estudo dessa temática, na obra o autor compartilha preocupações que caracterizam uma educação matemática crítica.

Sumário

INTRODUÇÃO: PREOCUPAÇÕES

1. A EDUCAÇÃO MATEMÁTICA É INDEFINIDA
A educação matemática despotencializa os alunos
A educação matemática potencializa os alunos
Indefinição

2. DIVERSIDADE DE CONDIÇÕES
Tendenciosidade na pesquisa em educação matemática?
Contrastes à sombra da globalização e da guetização

3. FOREGROUNDS DOS ESTUDANTES
Foreground
Intencionalidade e aprendizagem
Sentido na educação matemática

4. CENÁRIOS PARA INVESTIGAÇÃO
Adentrando o terreno de um cenário para investigação
Milieus de aprendizagem
Folheando um jornal
Movendo-se entre diferentes milieus de aprendizagem
Zonas de risco e possibilidades

INTERMEZZO: A CONCEPÇÃO MODERNA DE MATEMÁTICA
Matemática e ciência natural
Matemática e tecnologia
Matemática como uma disciplina pura
Educação matemática moderna

5. UMA CONCEPÇÃO CRÍTICA DE MATEMÁTICA
Matemática, discurso e poder
Dimensões da matemática em ação
Maravilhas, horrores e reflexões

6. REFLEXÃO
Reflexões sobre a matemática
Reflexões com matemática
Reflexões por intermédio de investigações matemáticas

7. MATEMACIA EM UM MUNDO GLOBALIZADO E GUETIZADO
Educação matemática em escala mundial
Práticas dos marginalizados
Práticas de consumo
Práticas de operação
Práticas de construção

8. INCERTEZAS

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

ÍNDICE ONOMÁSTICO

ÍNDICE REMISSIVO

.